quarta-feira, 10 de maio de 2017

[Silver] Certo mesmo é a gente se Amar.

Eu tava pensando aqui, certo mesmo era a gente se amar.
Sem esse negocio do que o povo vai pensar.
Certo mesmo era a gente se jogar na cama, ou na áreia do mar.
E se amar de jeito a não querer parar.
E se não bastasse, a gente ia andando por ai, de mãos dadas e gargalhadas ao luar.
Sem essa picuinha besta de se encabular.

Tu deixava de lado a minha burrice e eu teu aperreio.
A gente ta é perdendo tempo, deixando desencantar.
Vou logo avisando, tudo que eu tenho, a única coisa que tem valor é minha vontade de amar.

O resto o tempo leva, as regras condenam e a terra come.


Te Amor. 
02/04/2017

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

[Silver] Maria Voltou.

A cabeça não para de pensar,
E o danado do coração não quer escutar.
Pensa que a vida é boa, 
Bate sem se importar,
Com a dor no peito,
A ausencia e o desejo.

E nessa rincha, entre a cabeça e o coração,
O corpo padece, 
Se estremece,
Sangra sem rasgar.

O que dói mesmo é a dor da duvida.
A brigar entre o amor e a luxuria.
O Sentir-se despedaçado, inteiro.

Se não fosse os demônios da alma,
Seria a esperança do amor.


Mas parece que o Amor acabou [em meu peito].


Te Amor